ABERTAS INSCRIÇÕES PARA 2a. OFICINA DE TEATRO - INFORMAÇÕES: 3274.2197 - FUNDAÇÃO NILO PEREIRA

Coral cantos do vale

Coral cantos do vale
Coral canto do vale tem como regente Kleber Praxedes

Estação da cultura

Estação  da cultura
Visitem

18 de fev de 2011

DENGUE CEARÁ-MIRIM NÃO APARECE NA LISTA DOS MUNICÍPIOS COM NÚMEROS DE DENGUE NO ESTADO BOLETIM DA SESAP FOI DIVULGADO NA ÚLTIMA SEXTA-FEIRA 12 DE FE

A Secretaria de Estado da Saúde Pública-SESAP, divulgou na última sexta-feira 12/02, boletim quantitativo dos casos notificados da dengue no Rio Grande do Norte, e o município de Ceará-Mirim não figura na lista.


As informações correspondem à Semana Epidemiológica Nº 05, que vai do período de 30 de janeiro a 05 de fevereiro de 2011.

O número de notificações no Estado até o momento, é de 835, com cinco casos confirmados da doença.


Há a notificação de 01 óbito com suspeita de dengue, ainda sem confirmação.

De acordo com o boletim da SESAP, dos 167 municípios do Estado, seis estão classificados com incidência alta em dengue: Pau dos Ferros (84 notificações), Equador (41), Doutor Severiano (41), Luis Gomes (39), Rafael Fernandes (28) e Paraná (12).

Os municípios com incidência média são:

Alexandria (26), Guamaré (16), Portalegre (10), Frutuoso Gomes (10), Serra Negra do Norte (10), José da Penha (09), Francisco Dantas (07), Encanto (07), Serrinha dos Pintos (06), Riacho de Santana (06), Cel. João Pessoa (06) e São Bento do Trairi (04).

Os municípios de Caicó e Currais Novos, informa a SESAP, apresentam situação de risco alto em relação ao índice de Infestação Predial-IPP, que mede a quantidade de imóveis infestados com larvas do mosquito Aedes Aegypti.


Outras cidades em situação de alerta para o IPP são: Macaíba, Jardim de Piranhas, Jardim do Seridó, Santana do Matos e São Miguel.

Nesta ocasião, a Secretaria Municipal de Saúde de Ceará-Mirim, aproveita para orientar a população, no sentido de ficar atenta, principalmente evitando o acúmulo de lixo, água parada, e limpeza dos reservatórios de água, bem como das calhas dos telhados.


Mais informações, a população deve procurar o setor de epidemiologia da SMS, no Centro Administrativo na rua Heráclio Vilar ou pelo telefone (84) 3274-5944.

Nenhum comentário: